Como o uso de dados interfere na sua ação de marketing

Soluções tecnológicas diversas de geração de dados estão sendo cada vez mais incorporadas no meio empresarial, no qual eles são usados na tomada de decisões estratégicas.

Do mesmo modo que os dados são importantes para tomada de decisões empresariais, eles são para o marketing. Isso porque, por meio deles, é possível obter informações estratégicas que se transformam em insights que ajudam a melhorar a performance de campanhas, sejam elas de produtos comuns, como um armário de aço 2 portas ou mais complexos como equipamentos industriais, por exemplo.

Agora, siga o conteúdo para entender melhor como o uso de dados impacta nas ações de marketing.

Quais informações estratégicas são possíveis de obter por meio de dados?

Por meio da análise de dados, a equipe de marketing consegue obter informações extremamente estratégicas, que permitem entender e elaborar ações mais efetivas de marketing, pois possibilita:

  • Identificar padrões de comportamento do consumidor
  • Mapear a jornada de compra
  • Identificar os melhores canais.

Entre os destacados acima, podemos dizer que o mapeamento da jornada de compra é um dos mais importantes, já que permite criar estratégias para reverter situações comuns em vendas online, como entender o motivo que levou o cliente que estava finalizando a compra de uma mesa rústica de madeira, por exemplo, a abandonar o carrinho.

E como conseguir esses dados? Os dados como esse podem ser obtidos por meio de plataformas de analytics, que além de coletar dados, também fornece relatórios diversos que possibilitam a analisar diversos contextos de canais digitais como os sites.

Porém, a coleta de dados não se limita apenas o uso de soluções tecnológicas, mas também pode ser captados por meio de recursos usados no marketing, como landing pages, newsletter, pesquisas, entre outros, que permite colher dados pessoais dos consumidores, como nome, e-mail, região, entre outros.

O que precisa saber para transformar dados em insights

A obtenção de dados por si só não é suficiente, é preciso ter um perfil analítico, que nada mais é que a capacidade de transformar dados em insights que possam aumentar os resultados das ações. 

Ser analítico não é uma habilidade nata, a capacidade pode ser adquirida por meio do desenvolvimento de competências como a curiosidade. A curiosidade faz com que o profissional busque sempre por informações novas que possam ampliar a sua visão sobre determinado assunto.

Outro habilidade que envolve o ser analítico é a procura constante de resolução de problemas, como entender as razões de um  produto da empresa, como uma cor específica de  servomotor, por exemplo, ter menos saída que outras.

Além dessas habilidades, há outros fatores que fazem a diferença para transformar dados em insumos para a criação de estratégias, como entender exatamente quais são os objetivos da empresa. 

Todos esses pontos vão ajudar a não apenas transformar dados em insights, mas também identificar quais são os mais relevantes, questão que otimiza o tempo e ajuda no encontro de soluções.

Esperamos que esse artigo possa ter esclarecido melhor sobre como os dados interferem nas iniciativas de marketing. Se gostou compartilhe nas suas redes sociais e nos siga para mais conteúdos de marketing.

Conteúdo produzido pela equipe do Soluções Industriais.